ESPAÇO CATÁRTICO por Eline Deccache Maia


DEUS E O DIABO ESTÃO NOS DETALHES

A rixa existente entre ingleses e franceses está presente até em um ditado popular que na versão inglesa aparece “O diabo está nos detalhes” e na francesa “Deus está nos detalhes”. Onde estaria a razão, com os ingleses ou franceses? Em minha opinião, as visões são complementares e o mais apropriado seria dizer “Deus e o Diabo estão nos detalhes”.

Havendo consenso de que Deus representa o aspecto positivo e o diabo o negativo, podemos mais uma vez perceber que tudo na vida deve ser ponderado e medido de acordo com a situação e os detalhes não podem passar despercebidos.   

E quando podemos perceber um ou outro? Bom, posso falar da minha experiência, que talvez seja compartilhada por alguns. Na minha opinião, Deus está nos detalhes quando se trata da arte produzida tanto pela natureza quanto pelos homens. Fico extasiada ao ver uma pintura, escultura, bordado, arquitetura etc, cujos detalhes te prendem de tal forma que você quase se mistura à obra ao perder-se nela. O artista erudito ou popular consegue com os detalhes ir, sutilmente, enredando o olhar e a imaginação até o expectador chegar ao deleite que, dependendo da intensidade,  se reflete até mesmo em uma manifestação física fazendo os olhos lacrimejar de emoção. Ah, quem não se prende nesses detalhes deixa de sorver uma deliciosa sensação  retirada das manifestações estéticas espalhadas pelo mundo. Na linha do dito popular francês, isso só pode mesmo ser coisa de Deus!

E o diabo como se manifestaria nos detalhes? Quando ele nos distrai com algum ardil e por falta de percepção  algo de grave pode acontecer ou deixar de acontecer. Vejamos na prática. Um projeto de engenharia que pode ser comprometido por um detalhe que passa despercebido, como uma casa decimal de um cálculo feito sem cuidado com os detalhes, daí percebemos que o diabo ali se fixou! Também se perder em detalhes pode levar ao imobilismo,  esse seria outro tipo de peça que o diabo nos prega, quando nos hipnotiza com filigranas e a vida vai passando e não nos damos conta porque ficamos apegados em demasia às minúcias.

Sendo Deus ou o Diabo que se escondem nos detalhes, o que importa é perceber que os detalhes fazem parte da vida e cabe a nós termos discernimento para identificar Deus ou o Diabo, entendendo que ambos são faces da mesma moeda!



Escrito por Deccache às 18h25
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher
Histórico
Outros sites
  Blog do professor Lúcio
  Rede Nacional de Educação e Ciência
Votação
  Dê uma nota para meu blog